segunda-feira, 12 de março de 2012

Marcos Assunção celebra boa fase: ‘Hoje, somos a Família Palmeiras’

Goleada por 6 a 2 sobre o Botafogo anima capitão alviverde, que projeta briga por títulos em todas as competições. Grupo unido faz a diferença, diz


Apesar da mudança de poucas peças, o time do Palmeiras na temporada 2012 em nada lembra sua apática e desentrosada “versão 2011”. Com atuação consistente, o Palmeiras construiu com tranquilidade a goleada sobre o Botafogo, por 6 a 2, neste domingo em Ribeirão Preto. Na vice-liderança do Paulistão, somente um ponto atrás do Corinthians, o clima é de empolgação – tanto que o capitão Marcos Assunção garante: finalmente, o técnico Luiz Felipe Scolari construiu uma família no clube.
– O grupo melhorou muito. Quando as coisas começam bem, tendem a terminar bem. Queremos continuar nessa fase, conseguir resultados porque o ambiente está maravilhoso. Felipão conseguiu: Hoje, somos a Família Palmeiras.
Neste domingo, as peças de reposição – que faltavam na última temporada – fizeram a diferença e o treinador pôde mexer no time quando os titulares cansaram. Valdivia, Maikon Leite e o próprio Assunção foram substituídos – até para poupá-los pensando na viagem a Alagoas e na partida contra o Coruripe, quarta, pela Copa do Brasil. Mesmo assim, o time não perdeu o ímpeto e três gols foram marcados já nos últimos minutos de jogo.
Barcos Valdivia e Marcos Assunção gol palmeiras (Foto: Bê Caviquiol / Futura Press)Marcos Assunção vibra com boa fase do Palmeiras (Foto: Bê Caviquiol / Futura Press)
Marcos Assunção parabeniza os companheiros e acha que o Palmeiras prova a cada dia sua qualidade. Apesar de não prometer títulos, vê o elenco atual em condições de brigar de igual para igual em qualquer competição que disputar nesta temporada. Para ele, a formação de um grupo unido entre os jogadores tem feito a diferença e influencia no bom momento em campo. A sequência invicta do Verdão já é de 18 partidas.
– O time está de parabéns. A cada dia, você tem que provar, mostrar que é capaz. O grupo está mostrando isso, que o Palmeiras é capaz de chegar e pode brigar em tudo que disputar. Hoje, o Felipão pode falar que tem um elenco, um grupo. Em temporadas passadas eram poucos jogadores, mas hoje temos peças de substituição para quando alguém cansar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário